DESAFIOS DO ENSINO-APRENDIZADO EM QUÍMICA NO PRIMEIRO ANO DO ENSINO MÉDIO

José Vechiatto

Resumo


O presente artigo é parte integrante da dissertação de mestrado que versa sobre o ensino da disciplina de Química no Ensino Médio, busca identificar as causas que levam os alunos a rotularem as disciplinas da área das ciências exatas como difíceis de aprender, mais especificamente a disciplina de Química, pois além de envolver cálculos matemáticos envolve nomenclaturas e fórmulas, principalmente os conteúdos relativos aos átomos, pois a compreensão de suas cargas elétricas incide na compreensão ampla das suas propriedades. O enfoque da investigação são os processos metodológicos que possam contribuir com o ensino-aprendizagem da Química. Na busca de atingir esse objetivo desenvolve um estudo cujo desenho investigativo é Quase-Experimental. O tipo de investigação será descritivo, realizou-se na Escola de Ensino Fundamental e Médio Anísio Teixeira, Ariquemes, RO, durante o primeiro bimestre letivo do ano de 2014. A amostra estudada foi de 50 discentes matriculados no 1º ano A e B da referida Escola. As técnicas e os procedimentos utilizados contam com a localização de obras sobre o assunto; leitura das obras e montagem da dissertação de mestrado e posteriormente do presente artigo. As conclusões trouxeram à baila a reflexão sobre as dificuldades do aprendizado da química e apontam que tais dificuldades decorrem, dentre outros fatores, da ausência de uma visão inovadora dos métodos e conteúdos transmitidos. Essa visão contraria expressamente o que determina os PCNs, que dispõem que o conhecimento químico, como produção social e cultural, é algo inacabado, aberto à análise crítica.


Palavras-chave


Ensino-aprendizagem; Diretrizes didático-pedagógicas; Métodos e técnicas; Ensino de Química

Texto completo:

PDF


Faculdades Associadas de Ariquemes

Rua Capitão Silvio, nº 2738 – Setor Grandes Áreas

Ariquemes – RO Fone: (69) 3535-5005 (69) 3535- 5008