Seleção de Pessoal: influências dos comportamentos emocionais e

Reginaldo Pedroso, Gisele Amaral Cintra

Resumo


A todo o momento estamos selecionando algo. No contexto organizacional não é diferente. O ambiente está continuamente selecionando determinados comportamentos, sejam eles produtos das contingências filogenéticas, ontogenéticas ou culturais. Uma organização só existe pelo fato de ter um conjunto de pessoas se comportando para produzir um resultado. Assim, o processo de seleção de pessoas vem sendo realizado de várias formas, sempre levando em conta a formação de cada profissional. Na maioria das vezes, a utilização de testes psicológicos é o recurso mais utilizado. Durante o processo de seleção, várias variáveis estão controlando o comportamento tanto do candidato quanto do profissional, uma dessas variáveis é o comportamento emocional tanto do candidato quanto do profissional que é decorrente do condicionamento clássico. O objetivo deste estudo é questionar a prática de seleção de pessoas e chamar a atenção dos analistas do comportamento para variáveis que estão controlando tanto o candidato quanto o profissional de seleção. Propondo não uma receita para a realização do processo de seleção de pessoal, mas sim, questionando o que vem sendo feito e à luz dos princípios da análise do comportamento e propor melhores condições para o entendimento do comportamento humano no processo de seleção de pessoas.


Palavras-chave


Seleção de Pessoal, Comportamentos Emocionais, Seleção por Conseqüência, Seleção por Competência

Texto completo:

PDF


Faculdades Associadas de Ariquemes

Rua Capitão Silvio, nº 2738 – Setor Grandes Áreas

Ariquemes – RO Fone: (69) 3535-5005 (69) 3535- 5008