AS CONSEQUÊNCIAS SANITÁRIAS OCORRIDAS PELA CONTAMINAÇÃO DO LENÇOL FREÁTICO POR NECROCHORUME: UM ESTUDO DE CASO NO CEMITÉRIO SÃO SEBASTIÃO EM ARIQUEMES-RO

Janice Gomes Lozano, Cristiane Aparecida Mazetto Dalla Costa, Aparecido Silvério Labadessa

Resumo


O objetivo da presente pesquisa consiste em alertar e trazer para a sociedade as consequências sanitárias oriundas pela contaminação do lençol freático por necrochorume nas proximidades do cemitério São Sebastião localizado no bairro Jorge Teixeira - Ariquemes-RO, por meio de um estudo preliminar comparativo feito com base em análises físico-químicas e bacteriológicas de  duas amostras de água de poços coletadas próximo ao cemitério e uma num bairro distante nos parâmetros: pH, cálcio, turbidez, nitrato nitrito, nitrogênio amoniacal e coliformes termotolerantes, totais, Escherichia coli,Salmonella e Shigella, além de pesquisa sócio-ambiental por meio de entrevistas com a população para diagnosticar os danos sanitários oriundos da contaminação por necrochorume desde a fixação de residência próximo ao cemitério.Nas análises físico-químicas foi notado um aumento na concentração de nitrato na amostra de poço simples próximo ao cemitério, com índices acima do permitido pela portaria 518/04 do ministério da saúde. Quanto à análise bacteriológica, no mesmo poço foi constatada a presença de coliformes totais, o que não é permitido na portaria 518/04. Sendo assim por se tratar de um estudo preliminar comparativo, pode-se concluir que há indícios de uma possível contaminação, nesse sentido é preciso um número maior de amostras com análises mais detalhadas para detectar a participação do necrochorume na contaminação da água de poços próximos ao cemitério. Os estudos mostraram que a população desconhece totalmente os danos sanitários oriundos do necrochorume, o que instiga uma pesquisa futura com o respectivo tema.


Texto completo:

PDF

Referências


ÁGUAS superficiais. Disponível em: http://www.cetesb.sp.gov.br/agua/%C3%81guas-Superficiais/34-Vari%C3%A1veis- de-Qualidade-das-%C3%81guas#serie. Acesso em: 18 de outubro de 2011.

ALABURDA, Janete; NISHIHARA, Linda. Presença de compostos de nitrogênio em águas de poços. Rev. Saúde Pública, 1998. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rsp/v32n2/p160-165.pdf. Acesso em: 21 de outubro de 2011.

ALESSIO, Carlos Eduardo; MOURA, Alexandre Carvalho de. Avaliação microbiológica das águas das principais fontes de praças e parques de Cascavel - Pr, em relação à presença de coliformes totais, termotolerantes e mesófilos aeróbios. Disponível em:http://www.fag.edu.br/tcc/2007/Ciencias_Biologi cas_Bacharelado/AVALIA%C3%87%C3%83O%20MICROBIOL%C3%93GICA%20D AS%20%C3%81GUAS%20DAS%20PRINCIPAIS%20FONTES%20DE%20PRA%C3

%87AS%20E%20PARQUES%20DE%20CASCAVEL.pdf. Acesso em: 22 de outubro de 2011.

BRASIL. Portaria n.518, de 25 de março de 2004. Brasília: Editora Ministério da Saúde, 2005.

BRASIL. Conselho Nacional do Meio Ambiente. Resolução nº 335, de 03 de abril de 2003. Dispõe sobre o licenciamento ambiental de cemitérios. Disponível em:

http://www.mma.gov.br/port/conama/legiabre.cfm?codlegi=359. Acesso em: 20 de outubro de 2011.

BRASIL. Conselho Nacional do Meio Ambiente. Resolução nº 368, de 28 de março de 2006. Altera dispositivos da Resolução n o 335, de 3 de abril de 2003, que dispõe sobre o licenciamento ambiental de cemitérios. Disponível em: http://www.mma.gov.br/port/conama/legiabre.cfm?codlegi=488. Aceso em 20 de outubro de 2011.

BRASIL. Resolução CONAMA, nº396, de 03 de Abril de 2008. Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil, Classificação e diretrizes ambientais para o enquadramento das águas subterrâneas, Brasília. Disponível em: http://www.mma.gov.br/port/conama/legiabre.cfm?codlegi=562. Acesso em: 12 outubro de 2011.

CONAMA. Disponível em: http://www.mma.gov.br/port/conama/estr.cfm. acesso em: 23 de outubro de 2011.

FELICIONI, Fernanda; ANDRADE, Flavio F. A.; BORTOLOZZO, Nilza. A ameaça dos mortos.1ª Ed. São Paulo: Jundiaí, 2007.

FRANCA RM, FRISCHKORN H, SANTOS MRP, MENDONÇA LAR &BESERRA MC

(2006). Contaminação de poços tubulares em Juazeiro do Norte Ceará. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=s1413- 41522006000100012&script=sci_arttext. Acesso em: 12 de outubro de 2011.

GIL, Antônio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisas. 4ª ed. São Paulo: atlas, 2007.

LEITE, Eliana Brandão. Análise físico-química e bacteriológica da água de poços localizados próximo ao cemitério da comunidade de Santana, ilha de maré, Salvador-BA. Disponível em: http://revistas.unijorge.edu.br/candomba/2009- v5n2/pdfs/Elianabrandaoleite2009v5n2.pdf. Acesso em 03 de maio 2011.

MATOS, B. A. Avaliação da ocorrência e do transporte de microorganismo no aquífero freático do Cemitério Vila Nova Cachoeirinha, Município de São Paulo. 2001. 114 f. Tese (Doutorado) - Instituto de Geociências da Universidade de São Paulo, São Paulo, 2001. Disponível em: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44

/44133/tde-19122001-082301/pt-br.php. Acesso em: setembro de 2011.

MORAIS, Josmaria Lopes; SIRTORI, Carla; ZAMORA, Patricio G Peralta. Tratamento de chorume de aterro sanitário por fotocatálise heterogênea integrada a processo biológico convencional. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/qn/v29n1/27850.pdf.acesso em: 11 de outubro de 2011.

NEIRA, Dérika F; TERRA, Vilma R; PRATTE-SANTOS, Rodrigo; BARBIÉRI, Roberto

S. Impactos do necrochorume nas águas subterrâneas do cemitério de Santa Inês, Espírito Santo, Brasil. Natureza on line 6 (1): 36-41. Disponivel em: http://www.naturezaonline.com.br/natureza/conteudo/pdf/07_NeiraDFetal_3641.pdf

PACHECO, A. et al. O problema geo-ambiental da localização de cemitérios em meio urbano. CEPAS, nov. 1997

PACHECO, A. Os cemitérios e o ambiente. São Paulo: [s.n.], 2006.

Disponível em: http://noticias.ambientebrasil.com.br/artigos/2006/03/21/23638-os- cemiterios-e-o-ambiente.html>. Acesso em: 12 de abril 2011.

PALMA, Salete R.; SILVEIRA, Djalma D. A saudade ecologicamente correta: A educação ambiental e os problemas ambientais em cemitérios. Disponível em: http://cascavel.ufsm.br/revistas/ojs-2.2.2/index.php/remoa/article/view/2766/1608.

Acesso em: 30 de agosto de 2011.

ROCHA. Daurélio B.; FERREIRA, Osmar M. Marcas ambientais resultantes pela instalação de tumulações. Disponível em: http://www.ucg.br/ucg/prope/cpgss/ArquivosUpload/36/file/MARCAS%20AMBIENTAI S%20RESULTANTES%20PELA%20INSTALA%C3%87%C3%83O%20DE%20TUM

ULA%C3%87%C3%95ES.pdf. Acesso em 30 de agosto de 2011.

ROMANÓ, Elma Nery de Lima. Cemitérios: passivo ambiental medidas preventivas e mitigadoras. Disponível em:http://www.sobrade.com.br/eventos/200 5/visinrad/palestras/elma_romano_cemiterio.pdf. Acesso em 13 de maio 2011.

SILVA, Leziro Marques. Cemitérios: fonte potencial de contaminação dos aquíferos livres. Revista Saneamento Ambiental, São Paulo, n. 71, 2000.

SILVA, Robson Williians da Costa; MALAGUTTI FILHO, Walter. Cemitérios: fontes potenciais de contaminação. Ciência Hoje, v. 44, n. 263, p. 24-29, set. 2009. Disponível em:

TUNES, SUZEL. O perigo em gotas: as doenças transmitidas pela água. Rio de Janeiro, 2002. Disponível em: http://galileu.globo.com/edic/95/saude1.htm. Acesso em 22 de outubro de 2011.

OBRAS CONSULTADAS

CAMPOS, Ana Paula Silva. Avaliação do potencial de poluição no solo e nas águas subterrâneas decorrente da atividade cemiterial. 2007. 141 f. Dissertação (Mestrado em Saúde Pública) – Faculdade de Saúde Pública, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2007. Disponível em:

< http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/6/6134/ tde-25112007-172840/>.Acesso em: 22 de setembro de 2011.

CEMITÉRIOS como fonte potencial de contaminação das águas subterrâneas região de Cuiabá e Várzea Grande. Mato Grosso: FUNASA, 2007. Disponível em: http://www.funasa.gov.br/internet/arquivos/biblioteca/cemitFonte.pdf. Acesso em: 21 de agosto de 2011.

FILHO, Domingos Para; SANTOS, João Almeida. Metodologia científica. São Paulo: Futura, 1998.




Faculdades Associadas de Ariquemes

Rua Capitão Silvio, nº 2738 – Setor Grandes Áreas

Ariquemes – RO Fone: (69) 3535-5005 (69) 3535- 5008